Portal de Notícias TV Conteúdo - Sua fonte de notícias na cidade de ...

Coluna/Opinião

Solidão é tão ruim para a saúde quanto fumar 15 cigarros por dia, diz estudo

Cada ser humano vem sozinho ao mundo

Solidão é tão ruim para a saúde quanto fumar 15 cigarros por dia, diz estudo
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando
Ser uma pessoa sozinha é tão prejudicial à saúde quanto fumar. O isolamento a longo prazo e a falta de uma rede de amigos estão diretamente ligados ao risco de demência, pressão alta e perda de imunidade. A solidão também pode causar problemas cardíacos e até câncer.

O psicólogo de Chicago que estudou o fenômeno, John Cacioppo, afirma que a solidão é tão ruim quanto fumar 15 cigarros por dia ao longo de muito tempo. Ou faz tão mal quanto ser alcoólatra. Isso tudo acontece porque a sensação de solidão aumenta os níveis do cortisol, o hormônio do estresse, que coloca a pressão arterial numa zona perigosa.
Atualmente, existem em algumas cidades muitas pessoas que já moram só e que apresentam um a vida bastante independente. Não podemos dizer que são pessoas solitárias, desde que elas se sintam em paz com essa situação. Entretanto, o que se mostra é que o sentimento de solidão pode estar presente em qualquer lugar ou situação. A pessoa pode sentir solidão durante uma festa com os amigos, no trabalho e até mesmo dentro de casa com a própria família.
Cada ser humano vem sozinho ao mundo, atravessa pela vida como uma pessoa separada e morre finalmente sozinho. As fases de passagem pela vida física e para além dela trazem muitas experiências, onde tudo é passageiro e impermanente. As situações, os encontros e os fatos da vida surgem, permanecem por algum tempo e se vão.

Perceber que você está se sentindo só é muito importante para o seu crescimento. Utilize desse sentimento como uma alavanca para assumir plenamente a sua vida, para agir a partir de si, fortalecer a sua base e seguir em frente, manifestando a sua própria força dentro dos seus objetivos.

O psicólogo aconselha aos solitários que, antes de tudo, se abram às possibilidades de fazer novos amigos. Não é fácil, mas é possível. Hoje, com as redes sociais, ficou ainda mais fácil não só se aproximar de novas pessoas, mas também reencontrar aquelas com quem se perdeu o contato ao longo do tempo.


O desafio, e aí a opinião é minha, é ultrapassar o contato virtual. Não que não seja divertido trocar idéias, opiniões ou simplesmente falar da vida pelo Facebook MSN, Orkut ou pelo Twitter. Mas não acredito que só isso seja suficiente para que alguém não se sinta mais só. Por mais que esteja se tornando um costume a amizade virtual, ainda acho que o contato físico, o olho no olho, são imprescindíveis para que uma amizade ou um amor recebam este nome. Por isso, os clubes de leitura, os cursos, os exercícios em grupo devem ser procurados por quem vive sozinho

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!